|

Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe!

O Mi Band 7 Pro é o primeiro rastreador fitness premium da Xiaomi e mostramos aqui as novidades desse Smartwatch e qual a diferença para o novo Mi Band 7.

A Xiaomi resolveu bater de frente com a Apple e a Samsung e vai lançar novos modelos do seu Mi Band.
O mais recente rastreador fitness da Xiaomi, o Mi Band 7 Pro, como o nome indica, é uma versão mais avançada do Mi Band 7. Por isso, resolvemos comparar os dois modelos.

A série Mi Band geralmente vem com dois modelos, uma versão padrão e uma versão NFC, mas esta é a primeira vez que a Xiaomi lançou um modelo Pro do seu rastreador fitness.

O lançamento do smartwatch Mi Band 7 Pro tem várias vantagens. O visual premium da versão Pro, por exemplo, vai impressionar quem não gostou do design dos modelos anteriores da Mi Band. No entanto, a boa notícia, é que os seus recursos e preço competem diretamente com os smartwatches mais baratos da Xiaomi, como o Redmi Watch 2.

Há uma clara diferença entre o design do Mi Band 7 Pro e do Mi Band 7. O primeiro é maior e possui uma tela mais larga, enquanto o último continua com o formato pílula, que passou a ser padrão desses rastreadores fitness. Para o Mi Band 7 Pro ser ainda mais robusto, a Xiaomi utilizou materiais premium. O corpo do Mi Band 7 Pro é feito de fibra de polímero, de alta resistência e com um revestimento NCVM, que lhe confere um acabamento metálico. Já o Mi Band 7 possui uma caixa de policarbonato. Ambos os rastreadores fitness possuem tiras de TPU, antibacterianas, que estão disponíveis em várias cores e podem ser facilmente trocadas. Os dois também têm uma classificação de resistência à água de 5 ATM (50 metros).

Outra diferença, é que o Mi Band 7 Pro tem GPS e NFCA e tela de 1,64 polegadas. Um pouco maior que a tela de 1,62 polegadas do Mi Band 7, embora ele apresente um tamanho geral bem mais amplo. Ambos chegam com displays AMOLED de 326 PPI, suporte para Always-on Display e possuem uma tampa de vidro 2.5D, mais resistente. Os dois modelos também suportam medição de frequência cardíaca, 24 horas por dia e 7 dias por semana e possuem um sensor de SpO2 para medir o oxigênio no sangue. Os rastreadores fitness da Xiaomi também são capazes de monitorar o sono e o estresse, alem de rastrear a saúde das mulheres. Surpreendentemente, o Mi Band 7 suporta mais modelos esportivos do que o Mi Band 7 Pro, mas a diferença é bem pequena.

O modelo Pro vem com chip GNSS integrado, que suporta cinco sistemas de satélite, incluindo GPS e GLONASS. Isso significa que você não precisa levar o seu smartphone, para rastrear a localização, ao se exercitar ao ar livre. O Mi Band 7 Pro também tem um chip NFC.

Embora o Mi Band 7 padrão não venha com NFC, a Xiaomi vende uma edição NFC, um pouco mais cara, somente na China. Em termos de duração da bateria, o Mi Band 7 vem com uma bateria com capacidade de 180mAh, que carrega em apenas duas horas. A Xiaomi garante duas semanas de uso no modo padrão e até nove dias no modo avançado. O Mi Band 7 Pro vem com uma bateria com capacidade maior, de 235mAh, que pode ser recarregada em menos de uma hora. Como tem a tela maior e o chip GNSS integrado, a duração da bateria do Pro é um pouco menor. Ele pode ter um máximo de doze dias em uso típico e seis dias em modo intenso.

Com esses recursos extras disponíveis no Mi Band 7 Pro, não é surpresa que ele seja um pouco mais caro que o Mi Band 7 e você pode escolher o que combina mais com o seu estilo de vida.

Na Amazon você encontra o Mi Band 7



Publicidade
Publicidade Publicidade
Publicidade

Artigo:

Publicidade
Posts
Relacionados
Publicidade