•  
  •  
  •  
  •  

Na Década de 1970 tinha um programa infantil bem especial que combinava ação com bonecos fantasiados, animação clássica e muito rock and roll com imagens psicodélicas pré-adolescentes em um ritmo alucinante. Este show conquistou uma geração inteira e sempre começava com aquela música: –Tra la la, la la la la, Tra la la, la la la la, Tra la la, la la la la, Tra la la, la la la la.

Estamos falando do famoso Banana Splits, um programa inovador e completamente doido. O Banana Splits surgiu em 1968, com um pouco de trapalhadas e muitos desenhos e séries. A maior parte do programa era de desenhos como: Os 3 Mosqueteiros, Os Cavaleiros da Arábia ou séries como Doutor Encolhedor ou A Ilha Misteriosa. O ritmo desses personagens era frenético e tinha muita música misturada com uma explosão de imagens na tela, como a maioria da programação infantil na Década de 70.  

O Banana Splits tinha um inimigo, os Uvas Azedas, que nunca apareciam, mas não deixavam de enviar uma mensagem através de uma garotinha dançarina. Os nomes dos Bananas eram Fleegle – um cachorro com língua de fora, Bingo – um gorila dentuço, Drooper – um leão de óculos quadrado e Snorky – o elefante.

Banana Splits

O Banana Splits era uma banda que foi projetada para se parecer com os Monkees (que por sua vez foram projetados para se parecer com os Beatles) e o programa mostrava um show com um ritmo frenético, gráficos psicodélicos e esquetes de comédia curta. A frase “Segure o Ônibus” era o sinal para os Splits se comportarem de forma enlouquecida e sairem correndo de personagens aleatórios, como se estivessem fugindo. Outro detalhe bem legal e que toda criança era louca para ter, eram os mini bugs, de seis rodas, dos personagens. Cada personagem tinha o seu e cada um era mais maluco que o outro.

No início de cada show, todos os Banana Splits chegavam por rotas inesperadas, uns desciam pelo poste de incêndio, outros apareciam pelas portas malucas e todos passavam alguns minutos esbarrando uns nos outros. Essa confusão acabava com Fleegle, o líder, batendo sua enorme Marreta no chão e fazendo com que todos caíssem.

Banana Splits foi uma série criada pela dupla Hanna e Barbera, que dominou a TV na década de 70. Não sei se eram os personagens, trilha sonora ou o visual, mas as séries infantis da década de 70 eram bastante surreais e quebravam a monotonia na telinha quadrada.

Fique com a abertura do Banana Splits.

Tra la la, la la la la