|

Compartilhe!

Matrix apresenta desde inspirações de física quântica à alegoria de Jesus, mas também esconde um tratado condenatório sobre o capitalismo.

Matrix Anticapitalista

Filme Matrix e sua mensagem anticapitalista

Matrix apresenta uma forma inteiramente nova para os filmes de ação, pois combina ficção científica com noir, misturada com um mangá apocalíptico e coreografia de luta chinesa. Além disso, o filme sugere atividades intelectuais pós-modernas e tudo isso vem embrulhado com novas tecnologias cinematográficas impressionantes.

Certamente o filme estava destinado a mudar a produção cinematográfica, por isso consegue conquistar quatro Oscars. Quase todos em efeitos sonoros e visuais, além do importante prêmio de edição. Mas, apesar desse filme ser conhecido por redefinir totalmente a narrativa da ficção científica, também há um extenso material temático dentro dele, principalmente um que condena o capitalismo.

O primeiro filme apresenta Neo, um hacker amador que descobre rapidamente que sua realidade monótona, dos anos 90, é na verdade uma simulação poderosa. Tudo isso criado por uma raça senciente de máquinas, que estão usando a bioenergia coletiva da humanidade para se alimentarem. Neo também descobre que ele é único, uma figura messiânica profetizada e que pode manipular a codificação interna da Matrix.

Vários livros falam sobre Matrix e seu perfil anticapitalista

Os filmes Matrix tiveram todos os tipos de explorações temáticas, pois inúmeros livros e ensaios discutem as influências e mensagens dentro deles. Esses livros enxergam Neo como uma alegoria de Cristo, devido à sua natureza profetizada e seu sacrifício. Mas também falam sobre a experiência transgênero do filme, através dos olhos das irmãs Wachowski.

No entanto, há outro comentário sutil codificado no DNA dessa franquia, especificamente encontrado no primeiro filme. Pois de acordo com a reação dos personagens principais, principalmente sobre a realidade, Matrix fala sobre o capitalismo em estágio avançado, apresentando suas falhas e, finalmente, a derrubada desse sistema, pelas pessoas que estão dentro dele.

Ou seja, a franquia Matrix fala sobre a exploração dos trabalhadores, algo expresso pela alegoria de máquinas que se alimentam da energia humana. Embora a franquia principal nunca afirme explicitamente o que levou ao futuro distópico, presente nos três primeiros filmes, há muito material suplementar. Isso preenche a lacuna entre o passado e a linha do tempo atual dos filmes. Em Animatrix, por exemplo, podemos ver todo o detalhamento dessa história de fundo, que fala sobre a guerra entre humanos e máquinas.

Uma IA criada para tarefas domésticas simples

Antes de assumir a humanidade, essa inteligência artificial é criada por seres humanos e utilizada para trabalhos domésticos. Por causa disso, os seres humanos começam a rejeitar trabalhos baseados em mão-de-obra, algo que cria uma força de trabalho de máquinas. Esse status quo é mantido por um tempo, até o ano de 2090, quando um andróide doméstico mata o seu dono, em legítima defesa. Isso marca a primeira vez em que uma máquina tira a vida de um ser humano e causa um efeito cascata que, inevitavelmente, leva à aquisição da humanidade por máquinas.

No primeiro filme, após Neo tomar a pílula vermelha de Morfeu, ele acorda em um tanque flutuante e cercado por milhares de seres. Por isso descobrimos que esse é o destino da humanidade, viver em uma simulação permanente, onde as máquinas utilizam sua bioenergia. Uma revelação surpreendente, que contextualiza tudo sobre o mundo da franquia, mas também fornece uma reversão total sobre as origens desse futuro distópico, como podemos ver em Animatrix.

Uma crítica ao capitalismo

Nessa crítica geral da franquia ao sistema capitalista, vemos seres humanos e máquinas construindo seus impérios nas costas da exploração. A humanidade cria uma espécie senciente, simplesmente para ter um trabalho escravo. Mas quando as máquinas se levantam, em defesa de si mesmas, a humanidade tenta, em vão, exterminá-las. No futuro, centenas de anos após o final dessa guerra, as máquinas passam a explorar os seres humanos. Uma crítica ao sistema econômico capitalista, pois ele depende da exploração da classe trabalhadora, por isso o filme Matrix valoriza todo esse conflito do nosso mundo real.

Como acontece em Matrix, o capitalismo funciona como uma grande ilusão e vários críticos afirmam que a sociedade capitalista engana a classe trabalhadora. Tudo isso para que o entregador de aplicativo acredite que o sistema está funcionando a seu favor, apesar dele ser totalmente explorado. Esses trabalhadores acreditam e defendem o sistema, pois têm esperança de que um dia alcançarão o mesmo status de quem está no topo. Isso cria uma ilusão de que o sistema realmente funcionará, um dia, desde que seja mantido e continue a faturar, sem contestação alguma.

Neo é o messias anticapitalista de Matrix

Matrix faz uma referência aos tipos de trabalho que compõem a classe trabalhadora. Enquanto os 1% no topo são bilionários, celebridades e CEOs, os que giram as engrenagens do sistema são os que estão realmente envolvidos no trabalho bruto. Essas são as pessoas que Neo e Morpheus precisam salvar, mas elas estão presas dentro da simulação, ainda contribuindo ativamente para sua existência. Apesar de Neo ser o Messias escolhido para salvar o mundo, suas ações são coletivas. Pois ele é auxiliado por um círculo pessoal próximo a Morpheus e Trinity, além dos outros sobreviventes de Zion.

Neo e seus companheiros trabalham juntos para libertar a humanidade dos grilhões da simulação, algo que pode ser visto como uma alegoria para a solidariedade da classe trabalhadora. Aqueles que viram a verdade, conseguem lutar para libertar seus companheiros. Após isso, os cidadãos de Zion e as máquinas se reúnem para recriarem a Matrix, logo depois do sacrifício de Neo.

Matrix tem várias interpretações e nem todos podem avaliar corretamente aquilo que as irmãs Wachowski querem mostrar. Nesse mundo em que as pessoas não conseguem verificar se a mensagem do WhatsApp é verdadeira, é lógico que vão obscurecer tudo aquilo que Matrix tenta transmitir. Algo muito maior do que simplesmente escolher entre uma pílula vermelha ou azul.

Saiba tudo sobre o Mundo do Cinema no Site MobDica

Na Amazon você encontra vários títulos do Cinema em Blu-Ray – Clique Abaixo

Amazon


Publicidade Publicidade

Artigo:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Posts
Relacionados
Publicidade
plugins premium WordPress