•  
  •  
  •  
  •  

Um dos casais poderosos mais emblemáticos e dramáticos do Universo Marvel é Scott Summers e Jean Grey, também conhecido como Ciclope e Garota Marvel dos X-Men. Poucos personagens tiveram uma história tão tumultuada. Scott e Jean se conheceram quando ainda eram adolescentes e formaram a equipe X-Men original ao lado do Anjo, Fera e Homem-Gelo. À medida que amadureciam, seus sentimentos um pelo outro também cresciam, o que os levou a se apaixonarem.

No entanto, durante uma batalha gigantesca com Magneto no coração de um vulcão, Scott e Jean pensaram que o outro havia morrido no calor dessa batalha explosiva. Enquanto Jean e Fera deixaram o vulcão e foram resgatados, Scott e o resto dos X-Men ficaram perdidos na Terra Selvagem.

Quando Scott e os X-Men deixam finalmente a Terra Selvagem, Jean mora na Escócia com Moira MacTaggert, uma geneticista e amiga dos X-Men. Em Uncanny X-Men #118, de 1979, uma HQ de Chris Claremont e John Byrne, os X-Men vão ao Japão para ajudar o herói mutante Solaris a lutar contra o tirânico fabricante de armas, Moses Magnum. Foi aí que Scott conheceu Colleen Wing, a prima de Solaris. Colleen Wing sempre foi uma personagem coadjuvante comum em Punho de Ferro e Luke Cage no final dos anos 70, e ela teve um papel importante em duas séries que foram ao ar na Netflix, Punho de Ferro e Os Defensores.

Em Uncanny X-Men #122 de Chris Claremont e John Byrne, os dois saíram em um encontro para uma pequena sorveteria e compartilharam um refrigerante. No final do dia juntos, Colleen dá a Scott um pedaço de papel contendo um bilhete, uma chave de seu apartamento e seu endereço. Por mais que Colleen quisesse que Scott se interessasse por ela, eles nunca ficaram juntos dentro do Universo Marvel. A razão para isso, provavelmente, é que Colleen era uma amiga para Scott. O líder dos X-Men nunca teve a intenção de maltratá-la, Colleen foi apenas um passo necessário para o Ciclope se curar e crescer como pessoa.

Uncanny X-Men #122 de Chris Claremont e John Byrne

Scott ainda estava processando o fato de que Jean havia morrido, como falamos acima. Ele estava em choque e desequilibrado emocionalmente com a suposta morte da Garota Marvel. Colleen achava que Scott era uma boa pessoa, um líder forte e um bom amigo, embora no início fosse um pouco monótono. Ela viu o que há de bom nele, mas também a dor e a tristeza que ele lutava para conter.

Se os dois tivessem ficados juntos, é muito provável que seria um relacionamento que alteraria muito o Universo Marvel. Colleen teria ajudado Scott a se descontrair e a aceitar a angústia que o oprimia e Scott teria sido um parceiro leal e forte para Colleen. Foi quase imediatamente após conhecer Colleen, que Scott soube que Jean ainda estava viva, o que pôs um fim definitivo a qualquer chance de os dois ficarem juntos como um casal.

As possibilidades de como o futuro dos X-Men e do próprio Universo Marvel teria mudado sem que Scott retornasse para Jean, são ilimitadas. Durante o período que Colleen e Scott estiveram juntos, eles até encontraram o Homem-Aranha em uma aventura. Mas Scott voltou para Jean e o Universo Marvel continuou o seu rumo que conhecemos hoje.

Seria interessante uma série no Disney+ que uniria os X-men com Os Defensores. E aí, o que Acham? Comentem em nossas Redes Sociais

Visite a Seção Especial Marvel da Amazon.

Acesse Aqui: