•  
  •  
  •  
  •  

Os Crossovers entre Marvel e DC sempre foram interessantes e inusitados, como essa luta entre o Super-Homem contra o Juggernaut. Embora o Juggernaut seja conhecido por ser um dos personagens mais fortes da Marvel e indestrutível a qualquer golpe físico, ele encontrou um rival quando topou com o Homem de Aço nessa HQ de 1996. Peter David, Claudio Castellini, Dan Jurgens, Paul Neary e Joe Rubenstein criaram esse ambicioso Crossover entre Marvel e DC, onde o Super-Homem conseguiu derrubar o temível adversário dos X-Men com apenas um soco.

Nessa edição da série, Cain Marko, o Juggernaut, enfrenta Tempestade, Gambit e Wolverine em Westchester e fica se gabando de que nem mesmo a força combinada dos X-Men, poderia derrubá-lo. Ele dá um soco em Logan, mas antes que possa perceber, uma luz amarela chega rapidamente e ele é jogado para longe.

Quando Juggernaut luta com um dos X-Men, seu punho arranca um pedaço do prédio do Planeta Diário. Momentaneamente confuso, ele é então golpeado pelo Super-Homem, que dá um direto no seu capacete vermelho e o joga no chão, dizendo que ele está no lugar errado.

Como muitos outros personagens da Marvel e do Universo DC, Juggernaut foi transportado para longe de sua realidade por dois irmãos cósmicos que encarnam o Universo Marvel e DC, respectivamente. Compreendendo que lutar entre si resultaria apenas em mais destruição, os irmãos escolheram os seres mais poderosos dos respectivos universos para lutarem entre si, com o perdedor sendo forçado a ter sua realidade totalmente eliminada. Embora os heróis do mundo possam não gostar, esta é a única maneira de impedir os irmãos de lutarem contra si próprios, o que significaria o fim de tudo e de ambos os universos.

Juggernaut é considerado um dos personagens mais fortes do Universo Marvel, mas o Super-Homem o supera com sua lendária superforça. No entanto, as habilidades de Marko deveriam transcender as proezas físicas do kryptoniano. Ao contrário de seu meio-irmão, Professor X, o poder de Marko na verdade vem de uma pedra mística feita pela entidade Cyttorak, que o transforma em um avatar imortal e indestrutível. Quando a pedra está com força total, ele é totalmente invulnerável e com certeza aguentaria os golpes do Super-Homem.

Como os poderes do Juggernaut são de natureza mística e mágica, ele deveria ter uma vantagem única sobre o Super-Homem. O Homem de Aço tem muito poucos pontos fracos, mas um deles é justamente a vulnerabilidade à magia. É por isso que é um tanto surpreendente que ele tenha conseguido derrubar o Juggernaut, uma vez que ele é movido por um dos artefatos mágicos mais poderosos do Universo Marvel. Embora a conexão do Juggernaut com o Cyttorak possa ter sido temporariamente interrompida com a sua chegada repentina ao Universo DC, Juggernaut teria provavelmente uma grande vantagem nesta luta, se Superman não o tivesse socado rapidamente.

Este confronto entre o Super-Homem e Juggernaut não fazia parte do torneio multiversal maior, então é compreensível que Marko não estivesse preparado para um nocaute do Kryptoniano com apenas um soco. No entanto, se os dois seres superfortes estivessem prontos para uma luta, teria sido um confronto muito mais interessante.

Essas HQs que uniam os Universos da Marvel e da DC poderiam voltar e também chegar ao universo cinematográfico. Um filme que unisse Os Vingadores, A Liga da Justiça e os X-Men seria sensacional.

Visite a Seção Especial Marvel na Amazon.

Acesse Aqui: