•  
  •  
  •  
  •  

Não é nenhuma novidade que a Amazon esteja sempre ampliando a sua linha de produtos para as Casas Conectadas e só esse ano a empresa já lançou novos Dispositivos Echo, a Amazon Fire TV e até um robozinho para vigiar a sua casa. Portanto, não é nem um pouco surpreendente, que a Amazon esteja desenvolvendo uma Geladeira Inteligente, com a sua assistente virtual Alexa.

A Amazon criar a sua própria geladeira inteligente, que pode controlar os mantimentos, pedir estoque fresco quando os produtos estão acabando e também sugerir receitas com base nos ingredientes armazenados nela, é algo inevitável. O conceito não é nenhuma novidade, já que a Samsung oferece aparelhos semelhantes, com a sua marca Smart Hub. Essas geladeiras da Samsung também podem fazer muito mais do que apenas rastrear os itens e têm capacidade de fazer chamadas, enviar alertas quando a porta é deixada aberta, transmitir conteúdo, postar notificações em seu display digital, enviar lembretes sobre o vencimento de alimentos e muito mais.

Mas, se compararmos com a Samsung, a Amazon tem a vantagem de oferecer um ecossistema de serviços e dispositivos inteligentes e também de varejo, com a sua própria loja. Mas isso está longe de ser a primeira tentativa da Amazon de criar mais produtos para os lares. A empresa já colocou milhões de dispositivos inteligentes com tecnologia Alexa em residências, cadastrando-os no seu ecossistema de serviços. Ao longo dos anos, a empresa também diversificou seus acessórios eletrônicos inteligentes e até mesmo já criou um robô chamado Astro, que unifica as funções dos dispositivos Alexa e Ring em um único lugar.

Apesar de ter vários dispositivos inteligentes para a sua casa, a Amazon quer conquistar um lugar mais permanente na cozinha, lançando uma geladeira inteligente. De acordo com um relatório do Business Insider, que cita fontes privilegiadas, o refrigerador inteligente da Amazon vai monitorar os itens armazenados dentro dele, notificando os usuários quando os produtos estiverem acabando ou prestes a vencer.

Chamado internamente de Projeto Pulso, esse refrigerador inteligente acompanhará os hábitos de compra do usuário e servirá como uma ponte para realizar compras nos serviços Amazon Fresh ou Whole Foods da empresa, que por enquanto não existem no Brasil, apesar da empresa já ter lançado o Amazon Super por aqui. A experiência é um pouco semelhante ao que os usuários podem realizar com os Dispositivos Echo e uma conta Amazon vinculada, para fazer compras rapidamente. Não é novidade que a empresa direcionará essa geladeira inteligente para clientes que também têm uma assinatura Amazon Prime.

Na sua geladeira inteligente, a Amazon também deve explorar o recurso de sugestão de receitas, com a Alexa oferecendo pratos com base nos itens disponíveis, além de dar conselhos sobre saúde e nutrição. Apesar dessa geladeira inteligente ter toda a tecnologia da Amazon, a empresa deve terceirizar a parte de fabricação com outra marca de eletrodomésticos, uma estratégia que é bem semelhante ao que ela fez, recentemente, com as suas novas Smart TVs inteligentes. A geladeira deve ser equipada com câmera, com uma tecnologia de visão que irá ficar de olho nos alimentos e ajudar nas interações com a Alexa, por meio de comandos de voz.

A Amazon já vem trabalhando nesse conceito de refrigerador inteligente há alguns anos e está investindo cerca de US $ 50 milhões, por ano, no projeto que envolve cerca de 100 pessoas. A equipe inclui pessoas que já trabalharam em projetos como o sistema de pagamento de digitalização da mão, Amazon One e também com o seu Dash Cart. Por enquanto, ainda não está claro quando a geladeira inteligente Amazon estará disponível, mas não fique espantado se ela aparecer, ainda esse ano, no site da empresa.

Os Novo Echo Show 15 está em Pré-Venda no Site da Amazon.

Acesse Aqui: