|

Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe!

Diferente dos anos anteriores, os dois iPhones mais baratos podem não ter uma atualização de chip e usarão o mesmo A15 Bionic que a Apple utilizou no iPhone 13.

O iPhone é atualizado anualmente com um novo chip, mas o iPhone 14 e o iPhone 14 Max podem manter o mesmo que o seu antecessor. Não muita diferença entre os modelos normais e o Pro do iPhone em termos de desempenho, pois o chip permanece o mesmo em toda a linha. Mas os modelos Pro estão equipados com um ProMotion Display maior, uma lente telefoto e um scanner LiDAR, ao contrário do iPhone padrão e o mini.

Semelhante ao ano passado, espera-se que haja um total de quatro novos iPhones em 2022. Mas é improvável que um modelo mini apareça. Em vez disso, os modelos Pro terão o iPhone 14 Pro de 6,1 polegadas e o Pro Max de 6,7 polegadas, enquanto a linha padrão chega com um iPhone 14 normal de 6,1 polegadas e um iPhone 14 Max de 6,7 polegadas. Outra mudança esperada é a do design, já que a colisão da câmera pode ser eliminada e as lentes alinhadas com o painel traseiro.

Além disso, a Apple pode oferecer apenas um novo chip no Pro e Pro Max este ano. De acordo com o analista da Apple, Ming-Chi Kuo, os modelos Pro serão atualizados para o chipset A16 Bionic conforme o esperado. Já o iPhone 14 e 14 Max chegam com o A15 Bionic, o mesmo chip que está no iPhone 13. Se o analista estiver correto, será a primeira vez que a Apple diferenciará os seus modelos, da mesma série, com base no processador. Espera-se que o chip A16 seja baseado em um processo TSMC de 4 nanômetros que, como qualquer outro chip, resultará em um aumento no desempenho e na eficiência de energia. Kuo também acrescentou que todos os quatro modelos terão 6 GB de RAM. Enquanto o iPhone comum usará LPDDR4X, os modelos mais sofisticados serão equipados com o LPDDR5 mais recente, trazendo uma experiência até 1,5x mais rápida e até 30% mais eficiente.

Junto com o chip atualizado, também é esperado que a Apple utilize o modem Snapdragon X65 para melhorar a velocidade da rede. Desde 2017, os iPhones vieram com um entalhe, mas isso pode mudar este ano e os modelos mais sofisticados podem acabar com um design em forma de furo e pílula para abrigar o FaceID e a câmera frontal. Este ano, a Apple também pode introduzir um sensor primário de 48MP no iPhone 14 Pro, que capturará imagens de 12MP por padrão, com tecnologia de pixel-binning. O sensor maior também pode ajudar na gravação de vídeos em 8K.

Quando os iPhone 12 e 12 Pro foram lançados, as diferenças de especificações eram mínimas, considerando apenas uma diferença de preço. Com o iPhone 13 Pro, a Apple tentou se diferenciar adicionando uma taxa de atualização de 120Hz. No iPhone 14, a diferença de chip pode ajudar a justificar ainda mais essa diferença de preço entre os modelos Pro e não Pro. O uso de chips mais antigos também pode ajudar a manter o preço dos modelos mais baixo. O lançamento do iPhone 14 está previsto para a primeira ou segunda semana de setembro e podemos esperar mais um evento interessante da Apple.

Artigo: Hugo Machado

Você Encontra Todos os Produtos do Universo Apple no Site das Americanas

Acesse Aqui:



Publicidade
Publicidade Publicidade
Publicidade

Artigo:

Publicidade
Posts
Relacionados
Publicidade