A Marvel Studios está iniciando o desenvolvimento de uma série derivada de WandaVision, que vai girar em torno da divertida vilã Agatha Harkness (Kathryn Hahn). A primeira série do UCM na plataforma de streaming mostrou Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen) criando uma realidade alternativa, baseada em diferentes décadas de sitcoms da TV, com o Visão (Paul Bettany) vivo novamente, mesmo após ter morrido em Vingadores: Guerra Infinita.

Ao lado de Olsen e Bettany, o elenco da série viu o retorno de Randall Park como o agente do FBI Jimmy Woo e Kat Dennings como a astrofísica Darcy Lewis, bem como os recém-chegados Hahn, Teyonah Parris como Monica Rambeau, Debra Jo Rupp, Fred Melamed e Evan Peters como o falso Mercúrio, Ralph Bohner.

A série WandaVision foi um verdadeiro sucesso e teve 23 indicações ao Emmy e ganhou três prêmios, incluindo Outstanding Sci-Fi / Fantasy Costumes, Outstanding Production Design for a Narrative Program e Outstanding Original Music and Lyrics, para a faixa favorita dos fãs – Agatha All Along. Enquanto o público aguarda ansiosamente o retorno da Feiticeira Escarlate em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, parece que a Marvel resolveu retirar esse truque da manga, para que os fãs não esperem muito.

A Variety anunciou que a Marvel Studios e o Disney+ estão atualmente desenvolvendo uma série derivada (spin-off) de WandaVision centrada na feiticeira malvada de Hahn, Agatha Harkness. Como os detalhes da trama estão sendo mantidos em sigilo absoluto, só sabemos que a série está sendo descrita como uma comédia de humor negro. O redator-chefe de WandaVision, Jac Schaeffer, retorna na mesma posição e também será produtor executivo. Nenhum comentário foi feito pela Marvel Studios ou pelos representantes de Schaeffer e Hahn.

A atuação de Hahn, como a feiticeira malvada Agatha, em WandaVision, foi um dos elementos mais aclamados da série do Disney+. A personagem iniciou como uma vizinha irritantemente intrometida, para depois revelar toda a sua vilania, com a música Agatha All Along ao fundo. A decisão da Marvel de investir neste sucesso, deve vir como uma notícia empolgante para os fãs da personagem, principalmente com Schaeffer voltando como o escritor, após finalizar o seu trabalho, indicado ao Emmy, na série Mothership. O spin-off também chega num momento interessante para o UCM e o Disney+, já que vários outros títulos estão em estágios de desenvolvimento ou filmagem, incluindo a segunda temporada de Loki, enquanto WandaVision serviu ao seu propósito, sendo uma preparação para Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

Como dissemos antes, os detalhes do enredo ainda são desconhecidos, mas o potencial desse spin-off de WandaVision certamente tem uma série de caminhos a explorar. Como suas origens remontam ao final do século XVII, existem centenas de anos de história de fundo que podem ser exploradas, como a possibilidade de mostrar Agatha lutando para se libertar da prisão mental que Wanda criou. Enquanto isso, os fãs podem rever WandaVision no Disney+, como uma preparação para o retorno da Feiticeira Escarlate em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, que será lançado em março de 2022.

A Amazon tem uma loja especial de produtos Star Wars.

Acesse Aqui: