|

Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe!

A personagem Cristal foi criada por Jim Shooter, Tom DeFalco e John Romita Jr., em 1979 e pode estar perto de aparecer no UCM.

Quando Alison Blaire entrou na adolescência ela resolveu se tornar uma cantora e, lógico, o seu pai foi totalmente intolerante e fez de tudo para que ela escolhesse uma vida semelhante à sua e estudasse Direito. Apesar das ações do seu pai, Alison se tornou cantora e também estudou na faculdade de direito, pelo menos por um período. A avó de Alison, Bella Blaire, era mais simpática e a encorajou a explorar os seus verdadeiros talentos.

Enquanto Alison estava se apresentando em um show de dança no ensino médio, os seus poderes mutantes se manifestaram e ela foi forçada a cegar todos os presentes, para se salvar de uma possível perseguição. Após esse evento, Alison escondeu o seu poder mutante por anos, com medo do que era capaz de fazer. Isso só causou mais problemas entre ela e o seu pai.

Quando ela estava indo para a faculdade, Alison começou a explorar sua mutação e continuou se destacando em sua carreira musical. Ela criou o seu próprio uniforme, com roupas espelhadas, maquiagem e um par de patins e também criou o nome Cristal (Dazzler). Em sua cerimônia de formatura, ela informou ao pai que não iria frequentar a faculdade de Direito que ele havia selecionado e que seguiria sua carreira como cantora, com ou sem a bênção e o apoio financeiro dele.

A criação da personagem Cristal foi o resultado de uma jogada de marketing entre a Marvel e uma gravadora musical chamada Casablanca Records. Por volta de 1980, a Casablanca abordou a Marvel com a ideia de criar um novo herói dos quadrinhos e disse que um novo artista assumiria a responsabilidade de criar esse personagem. Foi aí que John Romita Jr. projetou o visual de Cristal, mas o restante dos traços e caráter da personagem teve a contribuição de muitas pessoas. Como várias pessoas participaram do projeto inicial, é lógico que surgiram muitos conflitos criativos entre a Marvel e a gravadora. Mesmo assim, Cristal fez a sua primeira aparição em Uncanny X-Men #130, antes do término de desenvolvimento, e essa união entre a Marvel e a Casablanca Records acabou entrando em colapso, com a série solo de Cristal iniciando em 1981.

Cristal quase fez a sua estreia no UCM, alguns anos atrás, com uma animação e essa ideia cresceu à medida que o nome da personagem alcançou alguns nomes conhecidos do mundo da música. Chegaram a pensar nas vozes de Donna Summer e Cher como dubladoras de Cristal e chamaram um produtor musical para criar uma trama, que reunisse alguns personagens do universo da mutante Cristal.

Infelizmente, um conjunto de questões fora da própria Marvel, levaria ao fim do projeto. O que restou foram ideias e roteiros para a TV e possivelmente filmes, que nunca chegaram a sair do papel. O escritor Jim Shooter já detalhou a sua participação no projeto, em algumas entrevistas, incluindo ideias para um filme que nunca existiu.

Houve várias oportunidades para Cristal chegar ao UCM, desde essa tentativa fracassada. O escritor Simon Kinberg chegou a incluir a personagem em X-Men: Apocalypse, mas isso não aconteceu. Kinberg tentou novamente em X-Men: Fênix Negra e finalmente Cristal, interpretada por Halston Sage, teve a sua chance de brilhar, ainda que brevemente, no UCM. Nessa aparição, a cantora está fazendo uma performance e apresentando o seu poder de iluminação, antes de ficar inconsciente por causa da Força Fênix.

Embora Cristal não tenha chegado ao UCM, ela ainda pode aparecer em projetos futuros. Uma teoria atual sugere que o cantora poderia entrar em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania. Tudo por causa de uma chamada de elenco, procurando alguém que tenha o mesmo perfil da personagem.

Vamos aguardar os próximos filmes e séries do UCM, quem sabe Cristal apareça rodopiando com os seus patins.

Artigo: Hugo Machado



Na Amazon você encontra uma revista com estatueta da Cristal

Acesse Aqui:



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Artigo:

Publicidade
Posts
Relacionados
Publicidade