|

Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe!


O Agente Americano assumiu com muita violência o controle dos Thunderbolts, na HQ Devil’s Reign: Villains for Hire #2, a mando do Rei do Crime.

O Agente Americano apareceu no UCM na série O Falcão e o Soldado Invernal e com certeza retornará ao Disney+, em algum momento. Nos quadrinhos, o evento Devil’s Reign continua na Marvel Comics e o personagem encontrou a maneira perfeita para assumir o controle dos Thunderbolts. A equipe foi recentemente designada, pelo Rei do Crime, para servir como executores de sua agenda anti-super-heróis, mas começou a se desviar de sua missão original e o vilão enviou o Agente Americano para assumir o controle da equipe, lembrando quem manda neles. Tudo isso irá acontecer na HQ Devil’s Reign: Villains for Hire #2, que tem a versão digital em Inglês, em Pré-Venda na Amazon.

Como prefeito da cidade de Nova York, o Rei do Crime está em conflito com sua comunidade superpoderosa, desde que assumiu o cargo. Recentemente, depois de tentar descobrir a identidade de seu arqui-inimigo Demolidor, o Rei do Crime iniciou uma cruzada contra os heróis de Nova York, criando uma legislação para cancelar todo super-herói. Para conseguir isso, o Rei do Crime ativou os Thunderbolts.

Essa equipe, composta por alguns dos piores vilões do Universo Marvel, agora age como polícia, à mando do Rei do Crime. Entre os novos membros estão o Rhino, o Treinador e a Electro. Essa lista mostra que existem poucos membros na equipe e eles precisam de um líder como John Walker, o Agente Americano. Devil’s Reign: Villians for Hire #2 é escrito por Clay McLeod Chapman, ilustrado por Manuel Garcia, finalizado por Lorenzo Ruggiero, Dono Sanchez-Almara e Fer Sifuentes-Sujo e escrito por Joe Sabino.

Veja abaixo algumas páginas dessa HQ

As páginas acima mostram os Thunderbolts em ação e quando eles saem de cena, Electro vê um diamante e pensa em roubá-lo. Assim que ela o levanta, o Agente Americano chega, jogando o seu escudo nela e dizendo para devolver o diamante. O resto da equipe ficou revoltado com o Agente Americano e começou a insultá-lo, chamando-o de Capitão América, entre outros nomes. O Agente Americano disse que o Rei do Crime o enviou para colocar a equipe na linha e lembra que eles não estão acima da lei. Para confirmar a sua força e domínio, o Agente Americano acaba com os Thunderbolts.

Sabemos que o Agente Americano é conhecido por não saber trabalho em equipe e também não um líder mas, para liderar os Thunderbolts, formado por alguns dos criminosos mais cruéis da Marvel, as consequências podem ser realmente terríveis. O Agente Americano foi enviado para lembrar os Thunderbolts de sua missão e que eles não estão acima da lei e a Marvel revelou que a HQ pós-Devil’s Reign será mais heróica e talvez as ações do personagem acabem com a equipe dos Thunderbolts, para sempre

Permitir que o Agente Americano controle os Thunderbolts, pode ter parecido uma boa ideia para o Rei do Crime mas, com uma equipe explosiva, essa liderança não terminará bem. Essa HQ pode até virar um filme ou série, pois quase todos os personagens já fizeram a sua estreia no UCM, só falta a Disney anunciar.

Artigo: Hugo Machado



Visite a Seção Especial de Quadrinhos na Amazon.

Acesse Aqui:



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Artigo:

Publicidade
Posts
Relacionados
Publicidade