•  
  •  
  •  
  •  

Quem foi criança nas décadas de 60 e 70, certamente irá lembrar do desenho Jonny Quest. O desenho mostrava as aventuras de um garoto tipicamente americano, loiro, chamado Jonny Quest, juntamente com o seu pai, o cientista Dr. Benton Quest, seu assistente e guarda-costas Roger “Race” Bannon e um garoto hindu chamado Hadji, além, é claro, do cachorrinho Bandit. 

Jonny Quest foi criado pela dupla Hanna & Barbera e lançado em 1964 na emissora ABC, durando at’ 1965. No Brasil o desenho teve a sua estreia em 1966 na TV Globo do Rio de Janeiro. Mais tarde, na década de 1970, o desenho mudou para a TV Tupi e TVS/RJ. Em 1985, foi para a TV Bandeirantes e em 1994, Jonny Quest voltou a ser exibido no Brasil, no canal pago Cartoon Network. A grande novidade desse retorno foi o fato dos desenhos irem ao ar com novas cópias remasterizadas e com uma imagem muito melhor.

Jonny Quest mostrava as aventuras dessa equipe enfrentando pigmeus, monstros e africanos com suas peles e chapéus de penas, gesticulando com instrumentos rudes e murmurando algo como “wooga-booga-ayaa-agaa”. Jonny fugia das lanças arremessadas, que tilintavam inutilmente contra a porta do seu jato moderno e elegante, onde ele fugia com seu pai o Dr. Benton Quest, Roger, Hadji e o bulldog Bandit. Esta é a nossa herança, estas são as nossas memórias infantis. Nessa época ingênua nunca sonharíamos em clicar no controle remoto e desligar a TV, dizendo que o programa era racista e imperialista ao extremo.

Assim era Jonny Quest, com o estudante de judô Jonny jogando homens-lagarto, três vezes o seu tamanho, com um simples golpe. Hadji, adotado pelo Dr. Quest nas ruas de Calcutá, onde fazia a sua mágica dizendo apenas “Sim Sim Sala Bim!” e, claro, temos o Dr. Quest triunfando sobre os vilões, não civilizados, com suas invenções de alta tecnologia. Para quem viveu nesse tempo, Jonny Quest foi a primeira aventura moderna de ficção científica, um precursor do aventureiro Indiana Jones.

Como todo desenho ou série dessa época, Jonny Quest separava claramente os mocinhos dos bandidos e a maioria dos vilões eram asiáticos ou negros. Dr. Zin estava sempre tramando algum plano maligno e era um homem da Índia Oriental, que sempre tentava assassinar o Dr. Quest. Hadji também não era americano, mas foi transformado em um personagem exótico e complacente, por isso fazia parte do time dos heróis. Apenas ele é amigo dos americanos, os outros personagens, negros ou asiáticos, acabavam morrendo por tiro e explodindo ou eram eletrocutados e soterrados por uma avalanche.

Outro problema de Jonny Quest foi a total falta de personagens femininos, que são praticamente inexistentes. A mãe de Jonny estava morta e a única mulher que aparecia, regularmente, era Jade. Ela estava sempre equipada com uma arma e tinha algumas credenciais de herói na aventura, mas ela era conivente e também uma vampira.

Jonny Quest não era perfeito, mas tinha aventura de sobra e conquistou muitas crianças durante o período que esteve na TV, tanto que chegou a ter uma nova versão, com personagens mais adultos, que não fez muito sucesso. Em 1993, os produtores de Hanna&Barbera eliminaram muitos desses estereótipos raciais e sexuais no longa-metragem Jonny Quest vs. the Cyber ​​Insects. Nesse longa Hadji é mais assertivo e Dr. Zin deixa de ser moreno e malvado, para ser feio e cruel.

Até a personagem Jesse passou a ser importante na Equipe Quest. Além disso, a Equipe Quest do filme trabalha junto com uma unidade de inteligência militar, que tem um homem negro no comando. Hanna & Barbera procuraram atualizar os personagens e tiveram muito cuidado com essas questões.

Ainda bem que o mundo está em constante evolução e lógico que a indústria do entretenimento acompanha essas mudanças. Sabemos também que, em pleno século XXI, não temos uma sociedade perfeita, sem racismo ou imperialismo. Jonny Quest foi criado 56 anos atrás e participou da vida de muitas crianças, como vários outros desenhos que também não eram nem um pouco politicamente correto. Mas, pobre do ser humano que, com tanta informação disponível, ainda não consegue separar a fantasia da realidade.

Você encontra vários produtos de Jonny Quest na Amazon.

Acesse Aqui: