|

Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe!

O logotipo do Justiceiro, em forma de caveira, sempre foi icônico e um símbolo desse personagem, mas também foi utilizado por vários grupos fascistas e violentos.

Um exemplo dessa péssima utilização, são os policiais americanos que usaram formas alteradas desse símbolo em resposta aos protestos Black Lives Matter. Várias pessoas também foram vistas usando-o durante os distúrbios de 6 de janeiro, em Washington.

Essa má utilização levou o co-criador do Justiceiro, Gerry Conway, dizer que pretende reivindicar a caveira do personagem como um símbolo de justiça, e não em atos de opressão policial e como um símbolo fascista. Por isso que a Marvel decidiu abandoná-lo totalmente. A empresa compartilhou várias imagens de sua nova série limitada de 13 edições, que mostra o novo logotipo do herói.

“Esta história é o próximo passo destinado na evolução sombria e trágica de Frank Castle, de criança problemática à soldado heróico e vigilante movido à vingança … ao devidamente poderoso Rei dos Assassinos”, disse Jason Aaron, desenhista dos Vingadores e atual escritor do Justiceiro. “Acredite em mim quando digo, estou tão empolgado com essa história quanto qualquer coisa que já escrevi para a Marvel.”

Mas parece que alguns fãs não ficaram muito animados com essa grande mudança nos quadrinhos, quanto Aaron. Muitos leitores da Marvel não têm medido palavras nas Redes Sociais e criticam, até de forma agressiva, essa alteração no uniforme do Justiceiro.

Alguns fãs sugeriram que mudar o logotipo não era o movimento correto e disseram que usar o mesmo logotipo antigo, tornaria o personagem extremamente desagradável para aqueles que o haviam adotado de forma errada, mostrando que o Justiceiro está do lado certo.

Até o ator do filme O Justiceiro, Jon Bernthal, concordou que as pessoas que utilizaram o logotipo de forma errada, não entenderam o que ele representa. “Essas pessoas estão equivocadas, perdidas e com medo”, disse ele em um tweet publicado em janeiro de 2021. “Elas não têm nada a ver com o que Frank representa ou pretende.”

Por outro lado, várias pessoas acharam o novo logotipo bem interessante, especialmente porque ele assumiu um toque particularmente asiático no seu design. Alguns até pensaram que isso poderia ser um sinal de que esse personagem icônico retornaria ao UCM em algum filme ou série do personagem Shang-Chi.

O importante mesmo é que a Marvel manteve o seu legado contra qualquer tipo de repressão e à favor da diversidade, não concordando com essa comparação fascista. Essa nova Minissérie do Justiceiro, de Jason Aaron, Jesus Saiz e Paul Azaceta, com o novo uniforme, já está disponível.

Na Amazon você encontra quadrinhos do Justiceiro



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Artigo:

Publicidade
Posts
Relacionados
Publicidade